Desabamento na Defensoria Pública de Pernambuco deixa feridos e uma idosa com fratura exposta

Parte do beiral do prédio da Defensoria Pública de Pernambuco desabou na tarde desta terça-feira (3). A estrutura caiu sobre o teto metálico do estacionamento, atingindo duas pessoas e veículos, por volta das 14h30. A sede do órgão fica na rua Marquês do Amorim, no bairro da Boa Vista, área central do Recife.

Segundo informações do local, Bernadete José de Barros, 65 anos, que estava sendo assistida pelo órgão, teve fratura exposta nas duas pernas e foi levada pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para o Hospital Português, no bairro Paissandu, no Centro, sendo depois transferida para a emergência do Hospital Esperança, na mesma região. Segundo a unidade de saúde, a paciente já foi atendida por uma equipe médica com profissionais de neurologia, ortopedia e cirurgia e será encaminhada para o bloco cirúrgico.

Já o vendedor de picolés Lameque Jafé da Silva Santos, 35 anos, teve fraturas no tórax e foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros para o Hospital da Restauração, no Derby, também no Centro. Ainda não há informações sobre o estado de saúde dele. O Samu chegou a enviar pelo menos quatro ambulâncias e quatro motos.

Segundo o defensor público geral do Estado, Manoel Jerônimo de Melo Neto, o órgão prestará toda assistência necessária às vítimas. O defensor explicou que a Defesa Civil verificou que havia uma pequena rachadura no beiral e os procedimentos de reparo já começaram. O prédio da Defensoria, ainda segundo Jerônimo, não corre risco de desabamento e, por isso, as atividades seguirão normalmente nesta quarta-feira (4).

Assista o vídeo:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *