Ex-prefeitos de Lagoa do Carro e Carpina são alvos de ação policial contra fraude e corrupção

Dois ex-prefeitos de cidades pernambucanas foram alvo de uma ação deflagrada, nesta sexta-feira (9), pela Polícia Civil. A ‘Operação Fraus’ teve como objetivo cumprir mandados de prisão por fraude em licitação, falsidade ideológica, peculato, corrupção e associações criminosa contra ex-gestores das cidades de Carpina e Lagoa do Carro, na Zona da Mata Norte do estado.

Além de ser ex-administrador de Lagoa do Carro, um dos envolvidos na operação é atualmente vereador de Carpina. Ele já foi alvo de outras ações da polícia.

Os agentes cumpriram, ainda, três outros mandados de prisão temporária. A Vara Criminal de Carpina expediu também 14 mandados de busca e apreensão e seis mandados de condução coercitiva, quando a pessoa é levada para prestar depoimento.

A ’Operação Fraus’ é 20ª ação de repressão qualificada deflagrada este ano pela Polícia Civil. O nome vem do latim e significa fraude. Foi realizada depois de uma investigação realizada pela Delegacia de Polícia de Carpina, com assessoria do Núcleo de Inteligência da Zona da Mata.

Participam da operação 102 Policiais Civis, entre delegados, agentes e escrivães. As ações ocorreram no Recife, Carpina, Lagoa do Carro e Lagoa de Itaenga. Todos os presos e materiais apreendidos serão levados para Delegacia de Limoeiro, no Agreste.

Deixe uma resposta