TCE julga regular com ressalvas auditoria em Itamaracá

A Segunda Câmara do TCE julgou regular com ressalvas, nesta quinta-feira (09), o objeto de uma Auditoria Especial realizada na Prefeitura de Itamaracá para examinar denúncias de irregularidades na execução de obras no município. A denúncia chegou ao TCE por meio da Ouvidoria protocolada por um cidadão que se disse insatisfeito com a Secretaria Municipal de Infraestrutura na gestão do então prefeito Paulo Batista Andrade (2013-2016).

De acordo com o denunciante, haveria irregularidades na construção da Academia da Saúde, na reforma e ampliação de três PSF’s e na pavimentação de 11 ruas, cujo responsável era o então secretário João Batista Andrade.

Porém, após análise meritória dos fatos, o conselheiro e relator do processo TC 1601465-0, Dirceu Rodolfo, com base no relatório técnico dos auditores, entendeu que os fatos não eram graves e julgou regular com ressalvas o objeto da auditoria, aplicando, entretanto, uma multa no valor de R$ 5 mil ao então secretário João Batista de Andrade e determinando o envio de cópia do processo ao Ministério Público de Contas para as providências legais cabíveis.

  1. Cardoso

    Moradores estão esperando uma satisfação das obras de pavimentação como da rua timbauba no rio amba ,Itamaracá.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *